Isaura: 870 milhoes de Telespectadores na China

Postado em

Nenhuma novela até agora obteve tanta audiência quanto A Escrava Isaura, adaptada de livro de Bernardo Guimarães e uma das primeiras que a Rede Globo de Televisão exportou a vários países.No início dos anos 90, numa adaptação de Gilberto Braga, a novela Escrava Isaura foi assistida na China por aproximadamente 870 milhões de pessoas.

O jornalista Gonçalo Júnior, da Gazeta Mercantil, chegou a esse número multiplicando 290 milhões de residências chinesas com TV por três pessoas de cada família que na época assistiam o canal estatal.

Milhões de pessoas pararam “para ver e transformar a atriz brasileira Lucélia Santos (foto), protagonista de A Escrava Isaura, em heroína nacional”, escreve Júnior no suplemento Fim de Semana, da GM, de 27 e 28 de março de 1999.

A novela obteve índices recordes na Polônia, na Hungria, África do Sul, em toda a América Latina, Alemanha, França Rússia, Ucrânia, Letônia, Lituânia e outros países, num total de sessenta. “Quase 25 anos depois de seu lançamento, “A Escrava Isaura” ainda está no ar. É apresentada num canal a cabo na África do Sul”, informa o jornalista.

Em Cuba, o Presidente Fidel Castro mudou o horário diário das reuniões do Governo para que ele e seus ministros não perdessem a novela.

Dizem que, em algumas das reuniões, o assunto principal foi o drama d‘A Escrava Isaura.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s