Origem dos Nomes dos Estados do Brasil

Acre: vem de áquiri, touca de penas usada pelos índios munducurus.
Alagoas: o nome é derivado dos numerosos lagos e rios que caracterizam o litoral alagoano.
Amazonas: nome de mulheres guerreiras que teriam sido vistas pelo espanhol Orellana ao desbravar o rio. Para Lokotsch, vem de amasuru, que significa águias retumbantes.
Bahia: o nome foi dado pelos descobridores em função de sua grande enseada.
Ceará: vem de siará, canto da jandaia, uma espécie de papagaio.
Espírito Santo: denominação dada pelo donatário Vasco Fernandes Coutinho que ali desembarcou em 1535, num domingo dedicado ao Espírito Santo.
Goiás: do tupi, gwa ya, nome dos índios guaiás, gente semelhante, igual.
Maranhão: Do tupi, mba’ra, mar, e nã, corrente, rio que semelha o mar, primeiro nome dado ao rio Amazonas.
Mato Grosso: o nome designa uma região com margens cobertas de espessas florestas, segundo antigos documentos.
Minas Gerais: o nome deve-se às muitas minas de ouro espalhadas por quase todo o estado.
Pará: do tupi, pa’ra, que significa mar, designação do braço direito do Amazonas, engrossado pelas águas do Tocantins.
Paraíba: do tupi, pa’ra, rio, e a’iba, ruim, impraticável.
Paraná: do guarani pa’ra, mar, e nã, semelhante, rio grande, semelhante ao mar.
Pernambuco: do tupi, para’nã, rio caudaloso, e pu’ka, gerúndio de pug., rebentar, estourar. Relativo ao furo ou entrada formado pela junção dos rios Beberibe e Capibaribe
Piauí: do tupi, pi’au, piau, nome genérico de vários peixes nordestinos. Piauí é o rio dos piaus.
Rio de Janeiro: o nome deve-se a um equívoco: Martim Afonso de Souza descobriu a enseada a 1º de janeiro de 1532 e a confundiu com um grande rio.
Rio Grande do Norte: derivado do rio Potengi, em oposição a algum rio pequeno, próximo, ou ao estado do Sul.
Rio Grande do Sul: primeiramente conhecido como Rio Grande de São Pedro. A Barra do Rio Grande de São Pedro, foi um ponto geográfico estratégico para a fixação do domínio lusitano no sul do país. Local ideal para que lá se instalasse um reduto militar com acesso marítimo ao interior pelo canal Rio Grande que liga a lagoa dos Patos ao oceano.
Rondônia: o nome do estado é uma homenagem ao marechal Rondon.
Santa Catarina: nome dado por Francisco Dias Velho a uma igreja construída no local sob a invocação daquela santa.
São Paulo: denominação da igreja construída ali, pelos jesuítas, em 1554 e inaugurada a 25 de janeiro, dia da conversão do santo.
Sergipe: do tupi, si’ri ü pe, no rio dos siris, primitivo nome do rio junto à barra da capitania.
Tocantins: nome de tribo indígena que habitou as margens do rio. É palavra tupi que significa bico de tucano.

Anúncios

37 comentários em “Origem dos Nomes dos Estados do Brasil

  1. eu gostaria de saber a origem do nome do estado de MATO GROSSO DO SUL,pois ele existe embora seja esqcido e infelizmente é chamado de Mato Grosso!!!

  2. Acre: vem de áquiri, touca de penas usada pelos índios munducurus.
    Alagoas: o nome é derivado dos numerosos lagos e rios que caracterizam o litoral alagoano.
    Amazonas: nome de mulheres guerreiras que teriam sido vistas pelo espanhol Orellana ao desbravar o rio. Para Lokotsch, vem de amasuru, que significa águias retumbantes.
    Bahia: o nome foi dado pelos descobridores em função de sua grande enseada.
    Ceará: vem de siará, canto da jandaia, uma espécie de papagaio.
    Espírito Santo: denominação dada pelo donatário Vasco Fernandes Coutinho que ali desembarcou em 1535, num domingo dedicado ao Espírito Santo.
    Goiás: do tupi, gwa ya, nome dos índios guaiás, gente semelhante, igual.
    Maranhão: Do tupi, mba’ra, mar, e nã, corrente, rio que semelha o mar, primeiro nome dado ao rio Amazonas.
    Mato Grosso: o nome designa uma região com margens cobertas de espessas florestas, segundo antigos documentos.
    Minas Gerais: o nome deve-se às muitas minas de ouro espalhadas por quase todo o estado.
    Pará: do tupi, pa’ra, que significa mar, designação do braço direito do Amazonas, engrossado pelas águas do Tocantins.
    Paraíba: do tupi, pa’ra, rio, e a’iba, ruim, impraticável.
    Paraná: do guarani pa’ra, mar, e nã, semelhante, rio grande, semelhante ao mar.
    Pernambuco: do tupi, para’nã, rio caudaloso, e pu’ka, gerúndio de pug., rebentar, estourar. Relativo ao furo ou entrada formado pela junção dos rios Beberibe e Capibaribe
    Piauí: do tupi, pi’au, piau, nome genérico de vários peixes nordestinos. Piauí é o rio dos piaus.
    Rio de Janeiro: o nome deve-se a um equívoco: Martim Afonso de Souza descobriu a enseada a 1º de janeiro de 1532 e a confundiu com um grande rio.
    Rio Grande do Norte: derivado do rio Potengi, em oposição a algum rio pequeno, próximo, ou ao estado do Sul.
    Rio Grande do Sul: primeiramente conhecido como Rio Grande de São Pedro. A Barra do Rio Grande de São Pedro, foi um ponto geográfico estratégico para a fixação do domínio lusitano no sul do país. Local ideal para que lá se instalasse um reduto militar com acesso marítimo ao interior pelo canal Rio Grande que liga a lagoa dos Patos ao oceano.
    Rondônia: o nome do estado é uma homenagem ao marechal Rondon.
    Santa Catarina: nome dado por Francisco Dias Velho a uma igreja construída no local sob a invocação daquela santa.
    São Paulo: denominação da igreja construída ali, pelos jesuítas, em 1554 e inaugurada a 25 de janeiro, dia da conversão do santo.
    Sergipe: do tupi, si’ri ü pe, no rio dos siris, primitivo nome do rio junto à barra da capitania.
    Tocantins: nome de tribo indígena que habitou as margens do rio. É palavra tupi que significa bico de tucano.

  3. Gostaria de saber por que a cidade de Melgaço no Mato Grosso recebeu esse nome, qual a relação com a região do Melgaço em Portugal ?
    Obrigado

  4. Gostaria de fazer um breve comentário quanto a origem do nome do Estado da Bahia.
    Pesquisando a origem do nome Bahia, seguando historiadores e pesquisadores portugueses (Maria José Pimenta Ferro Tavares), temos outra versão.
    Antes do descobrimento do Brasil Pedro Alvares Bahia, foi condecorado pelo então rei de Portugal com Brasão da Familia Bahia por serviços prestado além Mar.
    Coincidencia ou não o nome real do descobridor do Brasil não tinha o sobre nome cabral, este nome foi mudado após o descobrimento. Provavelmente o sobrenome Cabral era o sobre nome de sua avó materna.
    O nome do estado da Bahia, só foi então definido após a instituição do Governo Colonial.
    Tudo leva a crer que o estado foi uma homenagem ao grande navegador português Pedro Alvares Bahia.

  5. bom hoje eu estav na aula de geográfia estudando os estados brasileiros e decidi me informar um pouco mais sobre eles!
    pronto!!! aqui estou!e achei muito interessante esse site, não só pros estudantes como eu mas sim para o nosso país!
    e acho que todo ser-humano tem direito de saber onde mora,o país que mora, o estado que mora e claro o mundo onde mora!
    por isso todos temos direitos!não só da educação e sim da sabedoria!
    obrigada pela atenção!!
    ass: Giovanna tomazi

  6. Galera do Falabonito,
    eu queria agradecer pela imensa ajuda que vcs mi deram no meu trabalho de geografia. Concerteza vô tirá 10!!!!!!!!
    esse site é maravilhoso para fazer qualquer tipo de pesquisa, trabalho, ETC.
    um beijo sabor chocolate,

    Laylla F.M.

  7. adorei muito bom mas fui conferir com o meu atlas geografico e esta faltando 3 estados eles sao: roraima amapá e mato grosso do sul apesar de ter esses pequenos erros de esquecimento sua pesquissa esta muito boa parabens e obrigada

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s